quinta-feira, 15 de setembro de 2011

ESPORTES RADICAIS com crianças-rafting,tirolesa e arvorismo em BROTAS

Recebi um relato bem legal de uma leitora do blog ,que é a prova viva de que é possivel sim praticar esportes radicais com os filhos,até mesmo os pequeninos!! :)
A dica é  da Aressa Ela é mãe do pequeno João Rafael,de 2 anos e  1 mês e ela morou um tempo na cidade de Brotas,cidade conhecida pela natureza e pelos esportes radicais integrados na natureza;como o rappel,tirolesa,canoismo,arvorismo e o raffting, e essa são as nossas dicas de hoje:  

ESPORTES RADICAIS COM CRIANÇAS EM BROTAS!!!

Brotas fica a uns 240 km da Capital Paulista,aproximadamente ,e a 100km de Bauru,e é famosa pelos seus esportes radicais na natureza.
Segundo a Aressa, "os jovens que frequentavam a cidade de Brotas em busca de atividades radicais, cresceram e formaram família, mas o sangue aventureiro continua correndo nas veias.Conclusão: agora levam a família toda para curtir essas aventuras. A cidade e as empresas de turismo não perderam tempo e cada vez mais oferecem atividades para todas as faixas etárias."

Legal ,né?Eu fiquei louca para experimentar,pois já fiz arvorismo e tirolesa em Foz do Igugaçu e fiquei louca para repetir a dose com o Enzo.Bom saber que o espaço está sendo aberto para as crianças,mesmo as de tão pouca idade!!A cidade de Brotas conta com diversas opções de hospedagem,sendo a sua maioria pousadas familiares,e as crianças são muito bem recebidas.Segue abaixo o relato da Aressa dessa aventura feita no Parque Aventurah,que eu fiquei louca para conhecer:

 

Foto cedida pela Aressa: ela e o seu pequenom,e várias  outras crianças na aventura!!


*RAFTING:
"Eu e meu marido estávamos com muita saudade de descer o rio, mas como o Rafting completo são 10km de rio  e dura +ou - 4 horas , teriamos que nos dividir um a cada dia para o outro ficar com o João Rafael, esse percurso só é indicado para crianças com mais de 1,20m de altura e quando o rio não está muito cheio, então decidimos fazer o Mini-Rafting conhecido também pelo nome de floating, que é a descida do mesmo rio só que na parte alta com corredeiras e quedas menores são 3,5km e dura em torno de 2 horas.

As crianças com mais de 2 anos já podem fazer esse passeio. Só terá restrição se o rio estiver muito cheio, com corredeiras mais fortes. Informem se  de preferência com o coordenador da atividade as condições do dia do rio antes de fechar o passeio.Nosso pequeno João escutou as instruções, se equipou com colete e capacete específico para o tamanhho dele e seguimos de ônibus para a fazenda onde se inicia a atividade. Chegando na fazenda,talvez essa tenha sido a parte que ele mais gostou, tinha solto no pasto algumas vacas, bezerros e um cavalo, enquanto fazíamos o aquecimento os animais iam se aproximando e o João amou, não parou de falar na vaca o dia inteiro.

No ínicio confesso que fiquei meio apreensiva nunca tinha colocado meu pequeno numa aventura dessas, mas depois entrei no clima e de fato constatei que o passeio é bem tranquilo, poucas quedas e a corredeira bem tranquila, é mais um passeio contlemplativo, ficamos procurando por macaquinhos que as vezes aparecem, mas não demos sorte, o que vimos bastante foram os pássaros, ah o João também procurou o sapo Cururu na beira do rio, mas também não encontrou. No meio do percurso paramos um pouco na "prainha"as crianças entram no rio e brincam de escorrega, vira o bote de ponta cabeça sobre um morrinho e as crianças deslizam e caem no rio.
Durante a descida do rio as crianças pequenas ficam sentadas dentro do bote, enquanto os adultos e principalmente o guia condutor, remam, no final o João tava tão familiarizado com o lugar e com o bote que quis ir para ponta do bote e remar também. No final estavamos exaustos, chegamos na agência, dei um banho nele coloquei no carrinho e 100 metros depois ele estava dormindo. "

Todo cuidado na preparação!!

*CANOPY TOUR -TIROLESAS:
"Esse passeio  é mais radical, indicado para crianças acima de 5 anos, mas o equipamento para crianças já serve para maiores de 02 anos acompanhados pelos pais, vai depender da coragem dos pais e da criança.A saída do passeio é do Parque Aventurah, antigo Tavolaro. Uma van pega os particiantes e leva até a fazenda são uns 10 minutos apenas.

Lá colocamos o equipamento escutamos as instruções e começa a descida, são duas tirolesas a primeira são 770 metros de extensão "voando " por cima das copas das árvores a 110 metros de altura depois tem uma pequena caminhada e partimos pela segunda tirolesa de 530 metros, depois voltamos para a base retiramos o equipamento e a van nos leva de volta ao parque aventurah. O João Rafael tava bem empolgado para voar, mas quando foi colocar no cabo de aço com o papai ele ficou com medo e não quis ir, então  tiramos ele de lá e o papai seguiu, quando ele viu o pai sumindo no meio do mato quis o papai, eu mostrei onde o papai estaria e as outras pessoas foram em seguida dai ele quis ir também para buscar o papai então descemos eu e ele, ele foi super bem adorou o vento batendo no rosto dele, na segunda ele foi super bem comigo novamente."

E lá vão eles!!!

Um outro passeio legal que ela sugere,apesar de não ter feito esse,infelizmente,é o :

*ARVOMIX PAIS E FILHOS :
"É um circuito de arvorismo feito para crianças acima de 03 anos e até 1,40m, são 06 atividades onde os pais podem ficar ao lado ajudando e incentivando os filhos.Tem tirolesa no final e com direito a repeteco .Já existia um  cirquito para os adultos,o Arvomix, é o melhor de Brotas pois é totalmente no integrado na mata e o sistema de seguraça é o hold clip, você passa o circuito todo preso, e o dos pequenos é a mesma coisa, mais seguro e fácil de passar."


Para quem não tiver coragem de topar a aventura,mas deseja conhecer o local,também vale a pena.O espaço conta com algumas atividades mais "light",como andar de caiaque no lago, paintball, arco e flecha e aquaball, ou mesmo curtir uma piscina, brincarem no parquinho e descansarem no redário.Lá também tem um restaurante que serve almoço de comida caseira no fogão a lenha, é self service por pessoa.
O único lado negativo visto pela Aressa é falta um cantinho com um trocador: "não vi nem no parque Aventurah, e por lá vi algumas crianças pequenas com os pais e nem na agência que fomos."
(fica a dica né galera !!!!)
João Rafael super tranquilão!!
Ah,e mais uma dica importante: não são todos os lugares que aceitam cartão de crédito, inclusive em hoteis, e na cidade não tem todos os bancos, bom se prevenir antes!Preços e contatos fornecidos pela Aressa (válidos na época deste relato/2011: confira antes os valores atuais com a empresa escolhida ):


Contatos:
 *Mini-Rafiting  a partir de 47,00 por pessoa
 Arvomix Pais e filhos a partir de R$ 45,00 por pessoa
 Agência: EcoAção:  av Mario Pinotti, 205 tel: 3653- 9140
www.ecoacao.com.br

*Canopy Tour a partir de R$ 65,00 com entrada para o parque Aventurah
Agência: Mata Nativa tel: 3653-4047
www.matanativaaventura.com.br

*Parque Aventurah day use: R$ 15,00 ( atividades paga a parte).
http://www.aventurahbrotas.com.br/  

15 comentários:

Ana do Chá e Viagens disse...

Amei a dica da Aressa! e que coragem!!!!! eu nunca fiz algo parecido mas tenho bastante vontade.
Achei super interessante pelo fato de crianças de 2 anos já poderem acompanhar os pais aventureiros.

Tá super legal essas postagens Ana
Bjãoooo

Dri Viaro disse...

Gente Brotas é tuuuudo de bom!
Quando fomos ficamos num hotel fazenda incrível, ótimo atendimento, a comida é perfeita, o lazer, vcs precisam ver!!

O nome é Brotas Eco Resort , muitos tb conhecem como Peraltas.

É um pouco caro a diária, mas compensa o preço, ah se compensa.


amiga te linkei á no blog :)

beijos

Daniela disse...

Eu quero muito conhecer Brotas... estou tao pertinho... claro que agora de barrigão não dá... tenho que esperar.

Eu sou mega medrosa para esportes radicais.... já até entrei em pânico em trilhas... eu amo a natureza mas as vzs tenho medo.

Bjocasss.... adorei teu comentário lá no CBV... hehehe
bjos dnovo
Dani

Ia Maluf disse...

Legal! Uma vez fui com as meninas para Brotas, mas a Nina não pode fazer rapel, pq apesar de ter idade - e disposição para fazer, não tinha peso suficiente! Mas isso já faz uns 5 anos...

Ótimas fotos!

Bjs
Ia

Ivna Pinna disse...

Nossa, eu não sabia que crianças tão pequenas pudessem se aventurar assim! Eu tenho certeza que meu filho ia adorar, ele ama essas coisas.. eu é que morro de medo por ele e o pai tem medo de altura! Coitadinho do pequeno! hahahaha
Mas gostei bastante das dicas.. quem sabe né?!

Beijos

Edison Martins disse...

Muito boa a aventura, lembro-me que o João Rafael pôde brincar bastante. Lembro também que ele curtiu as vacas e os demais animais vistos na visita.

Ótima opção para quem quer viajar, e não tem muito tempo pra fazer uma viagem mais elaborada.

O mais importante é que o JR curtiu bastante.

Show !!

PS: (Sou o pai do João Rafael)

Ananda Etges disse...

Oi Ana! Tô adorando as dicas dos leitores! Pena que não tenho nenhuma interessante para participar também!

Beijos, Ananda.

http://projetodemae.wordpress.com

Ioly a dona do verdades... disse...

Super legal a dica. Não sabia que os pequeninos pudessem participar destes esportes.
Adimiro a coragem, mas a mama aqui é um "pouco" medrosa.
Mandei uma dica também.
bju

Giovana disse...

Oi Aressa adorei!
As fotos estão lindas e o texto bem bacana!
Um beijão!

Nanda Lorens disse...

Acabei de conhecer seu blog...achei o maximo!

To devorando cada dica!

Te convido a conhecer o meu tambem..estou iniciando nessa vida de mãe viajante!

beijos, Nanda

http://criancasnabagagem.blogspot.com/

Georgia disse...

Oiii!!!
Ai que legal isso que vc tá fazendo!
O Japão tbm é um lugar mega legal pra criançada, aliás não só pra criançada, mas tô sem tempo até pra fazer os posts lá pro blog kkkkkkk

Ótimo fim de semana, vc já tá bem?

Bjinhos!!

Paloma Gavazza disse...

Nossa que delícia!! Eu ia amar fazer um passeio desse em família! Adoro passeios em contato com a natureza!!

Menina tô atrasada com minha dica né? Mas vai sair viu? rsrsrsrs bjs!!!

Sheila Eduardo Oliveira disse...

Fiquei super animada com as dicas certamente irei seguir as recomendações. Tenho três sapequinhas eles vão amar!

Sheila Eduardo Oliveira disse...

Fiquei super animada com as dicas certamente irei seguir as recomendações. Tenho três sapequinhas eles vão amar!

Sheila Eduardo Oliveira disse...

Amei as dicas!